domingo, 29 de julho de 2012

Crônicas de Cuba 02 - a cidade de Havana


Falar de Cuba é como falar de um mito. Muitos políticos de esquerda do Brasil já citaram o país caribenho como sinônimo de justiça social, educação e assistência médica gratuitas. Há uma verdade e um exagero em muitas coisas. Mas, o que eu gostaria de falar agora é sobre a cidade de Havana, que os cubanos chamam Habana.
Havana é uma cidade muitos prédios antigos. São poucos os prédios novos. Em geral, estes são hotéis de luxo. O governo cubano tem se dedicado pouco à reforma de prédios antigos, que em geral são destinados a serem de algum museu. Um dos prédios que está passando por uma grande reforma é o Museu de la Revolución. Outro é o Capitólio, uma réplica do prédio homônimo de Washigton.
O Capitólio foi a sede do governo de Cuba após a Revolução em 1959. Atualmente, é a sede da Academia Cubana de Ciências. Foi construído em 1929.
Na Habana Vieja, a cidade histórica de Havana, há prédios restaurados onde funcionam cafés, restaurantes, livrarias e lojas.
Por toda a cidade, podem ser encontradas praças com monumentos de heróis nas lutas de libertação e independência.
Acredito que seja mais interessante mostrar as imagens, pois elas irão falar muito mais.





Nenhum comentário:

Postar um comentário